NY – Duane Reade

Mais uma dica. Dessa vez uma farmácia ótima que tem em todo lugar em NY, a Duane Reade.

Bom, ela é uma farmácia, mas parece mais uma Americanas, sabe? Tem de tudo! Imaginem… Produtos pra cabelo (Bed Head, Redken, John Frieda, Bumble and Bumble, Kérastase), maquiagem (Maybelline, L’oréal, Cover Girl), esmaltes (Essie, OPI) comida (biscoitos, pães, cerais, congelados, sorvete), bebidas (refri, suco, cerveja), e mais outros milhões de produtos e marcas.

Bom pra qualquer emergência durante a sua viagem! 😉

NY – Urban Outffiters

O post de hoje é sobre uma loja que eu amo: a Urban Outfitters. E que, para a nossa alegria, dá pra comprar online e entregam no Brasil!

As fotos foram tiradas na loja da Quinta Avenida que é um absurdo de linda e enorme. Encontrei muita coisa bacana lá! Óculos, carteiras, bijus, sapatos, bolsas… Fora as roupas que são o máximo!! A maioria com aquele ar boho-chic.

Só clicar que a imagem aumenta 🙂

Além disso, a Urban vende maquiagem (NYX, Tôo Faced…) e máquinas da Lomography. Viram a verde clara linda? Se eu já não tivesse a minha alvinegra, tinha adquirido!

NY – Madame Tussauds + American Museum of Natural History

Dessa vez um post off-fashion e beauty, mas ainda sobre NY e o que fazer na cidade.

Eu adoro museus! Ver a história ali materializada na sua frente é o máximo. Em Nova York dá pra fazer muita coisa legal, inclusive ir a museus menos boring

Alguns interessantíssimos são o MET – The Metropolitan Museum of Art – e o MoMA – The Museum of Modern Art. Além desses, os que são assunto desse post.

O Madame Tussauds é sempre parada obrigatória até para os que não são muito chegados a programas culturais. As estátuas de cera são perfeitas, idênticas às suas inspirações. Algumas dão até medo por serem tão “reais”.

Claro que a primeira coisa que eu queria ver era a Lady Gaga. Fiz até um post quando vi essa novidade do museu.

Esse vídeo aqui mostra um pouco como são feitas as obras que ficam expostas lá.

Já o American Museum of Natural History, tem público bem diferente do M.T. (muitasss crianças fofas), mas é tão divertido quanto!!

Prepare-se pra andar muito!!! O museu é enorme, são 4 andares e muitas exposições!! Adorei a parte dos dinossauros e do fundo do mar.

Valores:
Madame Tussauds: U$40. Se for pra colocar na ponta do lápis é bem caro, mas é super legal!!!
American Museum of Natural History: “Ingresso sugerido”. O que isso significa? Você paga o valor que quiser, apesar de ter uma entrada que eles sugerem que você pague. E pelo que eu li, não é pra ficar constrangido de dar pouco dinheiro, não. Eles estão super acostumados a receber até U$1. Por que “Suggested Admission”? O museu tem vários gastos, claro. Entretanto, muitos milionários e empresas investem nele. Ou seja, esse investimento é muito maior que o dinheiro dos visitantes.

NY – New Yorker Hotel

Quando se planeja uma viagem decidir o hotel onde ficar é sempre um caso sério! Primeiro, pelas condições de hospedagem. Segundo, pela localização. Sobretudo, se é a primeira vez na cidade.

Quando planejei minha ida à NY, essa questão foi fundamental. A agência me deu algumas opções, umas bacanas e outras que ficavam um pouco longe (tipo Brooklyn, que é fofo, mas é longe!!). Não pensei duas vezes: preciso ficar perto de tudo. Pesquisei, pesquisei e pesquisei. Então, achei o New Yorker perfeito!

O hotel fica na 8th Avenue com a 34th Street. Pra quem não sabe o que significa, vamos lá… Infinidade de bares, lanchonetes e restaurantes, lojas incríveis (Forever 21, H&M, Sephora, Macy’s, Ricky’s, Duane Reade, B&H)Tudo a menos de 10 minutos a pé. Um atentado ao bolso de qualquer fashionista!!!!

Eu adorei tudo… O atendimento, o quarto (que não era nada sofisticado, mas serviu bem!)… E o lobby é um charme! Dá vontade de ficar séculos batendo papo por lá.

Pensei em fazer esse post meio na pressa antes de voltar pro Brasil. Ou seja, não reparem a bagunça! Hahaha

Vale lembrar que essa parte do hotel que eu fiquei é residência estudantil. Algumas escolas que fazem intercâmbio têm um tipo de “convênio”. Por isso, eles não disponibilizam algumas mordomias como tolhas, papel higiênico e, muito menos, sofisticação. Tive que ir pra Jack’s 99 Cent Store comprar essas pechinchas e me senti dona de casa, haha. Mas, para limpeza, eles disponibilizam uma pessoa para quebrar o galho e fazer uma geral. Que por sinal não é muito eficiente!…

Pra quem não vai estudar na Big Apple e só está à passeio ou business, fica a boa notícia: metade do New Yorker é dedicado às hospedagens normais. E caso você esteja pensando: “ah, não… um monte de jovens malucos do mundo todo no quarto ao lado!”. No lobby há elevadores diferentes que levam às residências estudantis e aos quartos normais. Ah! E essa outra parte do hotel é mais luxuosa também.

Pra todos os gostos e ocasiões!